04/04/2019 - GRUPO VOLKSWAGEN PODE ESTAR PREPARANDO UMA OFERTA DE 35 BILHÕES DE LIBRAS ESTERLINAS PELA JAGUAR LAND ROVER

Em Wolfsburg não estão alheios aos incessantes movimentos empresariais de seus grupos rivais, mas o grupo Volkswagen quer continuar sendo a grande referência em um mercado em mudança. Para isso, nada como adquirir algumas das marcas mais cotadas do momento: Jaguar e Land Rover.

Os britânicos fecharam o último trimestre de 2018 com um volume de perdas que atingia os 3.3 bilhões de libras e com uma incerteza cada vez maior em consequência do Brexit, circunstâncias que não passaram despercebidas para os alemães, que consideram ativos muito importantes estas duas marcas a nível mundial. E isso não é tudo.

Segundo apontam determinados meios especializados, a oferta que a Volkswagen tem sobre a mesa para a Tata Motors pela Jaguar Land Rover é de 35 bilhões de libras esterlinas e inclui a Chery, do mesmo grupo só que operando na China. Embora ambas as partes ainda se neguem a reconhecer um acordo, tudo indica que as posições já estão bem próximas. Por um lado, a Volkswagen vê potencial nestas marcas para uma maior expansão no mercado asiático, e por outro, para ampliar sua oferta de modelos elétricos e SUVs. Ninguém duvida que em ambas as categorias o posicionamento da Jaguar Land Rover é especialmente bom. Veremos o que acontece nas próximas datas e se no final as marcas britânicas passarão das mãos indianas para as alemãs.