14/04/2019 - VEM AÍ UM MAZDA3 ESPORTIVO PARA BRIGAR COM O VOLKSWAGEN GOLF GTI

A marca japonesa está desenvolvendo uma versão esportiva do Mazda3, um carro que terá potencial para enfrentar o Volkswagen Golf GTI.

O responsável pelo projeto Mazda3, Kota Beppu, já havia deixado claro que o Mazda3 era um automóvel concebido e fabricado para voos muito altos. Quando passou por Portugal por ocasião da apresentação oficial do novo Mazda3 na Europa, em conversas paralelas à revelação do modelo, Beppu mostrou-se como um entusiasta do automóvel e por isso acreditava que o Mazda3 faria todo o sentido com uma versão mais musculosa.

Agora, meses depois e desta vez na Austrália, no lançamento do carro naquele país, Kota Beppu foi muito claro. “Sou uma pessoa que adora automóveis, por isso vejo-me guiando um Mazda3 de elevadas performances… e vou fazer o meu melhor para isso!” Claro que depois argumentou que o projeto ainda não era oficial, mas deixou a sugestão de que tudo não passaria de uma formalidade, até porque há interesse de vários mercados. 

Beppu praticamente descartou a possibilidade de fazer um esportivo híbrido, deixando pistas que levam à hipótese de utilizar o motor 2.5 litros usado pela Mazda em mercados como o norte-americano. Esse motor produz 250 cv e um torque de 310 Nm, fica um pouco curto em termos de potência, mas o engenheiro responsável pelo Mazda3 retrucou com a leveza do carro.

“É um carro leve e queremos manter a tração nas rodas dianteiras, portanto, não é preciso muita potência para ter boas performances”. Kota Beppu lembrou também que não estão pensando em um carro radical concebido para rodar na pista e na estrada, olhando para o Golf GTI como exemplo de um esportivo com bom desempenho, porém mais amigo do condutor e mais fácil de conduzir.

Não se sabe ainda se a Mazda voltará a usar o emblema MPS ou se trará de volta o Mazdaspeed, mas se for mantida a ideia de não se fabricar um híbrido esportivo e permanecer o motor de 2.5 litros a gasolina, as emissões de CO2 praticamente retiram o carro do mercado europeu. Portanto, o Mazda3 esportivo será uma ideia excelente para os americanos e japoneses, mas vedada aos europeus por pura politicagem.