2021 - BYD EA1

O BYD EA1 é uma das grandes novidades do Salão de Shanghai 2021. A marca chinesa encontra-se em um dos momentos mais relevantes de sua história, avançando significativamente em sua estratégia de carros elétricos, uma nova geração que está sendo concebida também para assaltar a Europa em um futuro não muito distante.

No grande evento chinês, a marca apresentou uma nova plataforma para carros elétricos, a ‘E-Platform 3.0’ com uma grande carga tecnológica nas costas. Uma base que colocarão à disposição de marcas europeias interessadas. Mas voltando ao novo utilitário elétrico, o novo BYD EA1 é o primeiro modelo que foi projetado com um estilo inspirado no mar, um conjunto assinado por Wolfgang Egger, que foi designer-chefe da Audi, e agora diretor de design global da BYD.

O EA1 apresenta-se com um design muito atraente, com um curto capô e saliência dianteira de linhas suaves e com faróis muito rasgados que se somam à grade, um estilo moderno que lembra o do BMW i3. De lado, o modelo chinês apresenta linhas mais angulares, com uma marcada linha de cintura que passa pelas maçanetas integradas das portas e vai até as lanternas traseiras de uma só peça.

O estilista alemão imprimiu um design muito moderno em todo o conjunto, especialmente na linha do teto com uma caída mais pronunciada na parte traseira. O BYD EA1 também conta com as rodas colocadas nos extremos, reforçando a largura visual e a esportividade, enquanto que os protetores de plástico preto nos arcos das rodas e saias laterais conferem um ar mais crossover.

O modelo, baseado na nova plataforma, é o primeiro a contar com baterias de folha, cujo cátodo utiliza fosfato de ferro e lítio, em lugar de óxido de lítio e cobalto. Uma química que permite tornar a bateria menor, e a capacidade de acumular energia para uma autonomia máxima de 1.000 quilômetros. Além disso, a tecnologia de carga de 800 volts, oferece uma recarga de nada menos que 150 quilômetros por cada 5 minutos conectado à rede. A BYD não indicou as especificações do EA1, mas características como estas o tornam um dos elétricos mais interessantes, que certamente a BYD não demorará muito para comercializar.

BYD EA1