2020 - PORSCHE CAYENNE S COUPE

Em meados do último mês de março chegava um modelo muito chamativo que nascia para conquistar todos os entusiastas das linhas esportivas próprias de um coupé com a versatilidade e a praticidade de um SUV. A mescla de ambos os conceitos resultava no Porsche Cayenne Coupe, um modelo que chegará aos concessionários europeus no final de maio, e fará isso com dois motores a gasolina, mas que não estarão sozinhos durante muito tempo.

Isso porque o fabricante alemão acaba de anunciar a chegada de uma versão que se situará a meio caminho entre as duas existentes, ou seja, entre o V6 de 340 cv e o V8 de 550 cv. O encarregado de completar esse espaço entre estas duas mecânicas turbo é um motor de seis cilindros que vem equipado com dois turbos, situados no interior do V que formam as duas bancadas de cilindros, para assim oferecer uma resposta mais imediata e um desempenho de destaque.

Os 2.9 litros permitem a este V6 desenvolver um total de 440 cv de potência e um torque máximo de 550 Nm em uma faixa que vai de 1.800 a 5.500 rpm. Em combinação com o pacote Sport Chrono, este SUV coupe é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 263 km/h, embora a aceleração possa melhorar até os 4.9 segundos com os três pacotes esportivos opcionais de baixo peso.

Junto a esse novo propulsor, os detalhes mais destacados do Porsche Cayenne S Coupe afetam tanto a parte estética como o equipamento, pois conta com rodas de liga leve de 20 polegadas, o citado pacote Sport Chrono, sistema de direção Plus de rigidez variável conforme a velocidade, amortecimento ativo Porsche Active Suspension Management (PASM) e o sistema de ajuda ao estacionamento dianteiro e traseiro Park Assist com câmera de marcha ré.

No entanto, cabe mencionar otros aspectos genéricos deste modelo, como o perfil diferenciador de estilo coupe, um spoiler traseiro adaptativo, dois conceitos de teto diferentes e os bancos individuais nos lugares traseiros, que vão situados 30 mm mais abaixo em comparação com os do Cayenne convencional. Além disso, tanto o para-brisas como o pilar A estão mais inclinados que neste, com um teto rebaixado cerca de 20 mm. A versão S chegará aos concessionários europeus durante o mês de julho e seu preço rodará os 115.000 euros, dependendo do mercado.