2022 - VOLVO C40 RECHARGE

Assim como já era esperado, o fabricante sueco apresentou esta semana o seu novo crossover elétrico, o novo Volvo C40 Recharge. Uma nova versão elétrica para a linha que, de acordo com a marca, trata-se do primeiro modelo elétrico dedicado de sua história, já que o Volvo XC40 Recharge é apenas uma versão da linha XC40, que também conta com versões dotadas de motor a combustão.

Como seus principais rivais, a Volvo preferiu posicionar seu novo crossover elétrico como um modelo totalmente separado e não como uma simples versão da família XC40, embora à primeira vista seja evidente a relação entre ambos os modelos. O novo C40 elétrico compartilha a plataforma CMA e órgãos mecânicos com o XC40, de modo que a maioria das dimensões são idênticas para ambos, embora a marca sueca ainda não tenha revelado todas as suas especificações.

A nível estético é evidente a relação que existe entre a linha XC40 e o novo C40 Recharge. O crossover coupe só se diferencia do SUV compacto que pode ser encontrado nos concessionários da marca pela nova caída do teto e o vidro vigia traseiro inclinado. Traços já habituais em todos os SUV/crossovers de estilo esportivo.

Na parte dianteira surge uma imagem similar, mas com algumas novidades muito sutis, como o perfil da falsa grade dianteira e as novas formas do para-choque, que agora conta com superfícies mais planas e uma abertura central trapezoidal, de modo que todas as novidades se concentram na parte superior da traseira e nas lanternas posteriores, que dispõem de um perfil parecido, mas formado por uma linha LED muito mais delgada e com uma base horizontal mais ampla. O para-choque traseiro parece muito similar, mas não conta com a grande zona plástica preta inferior que mostra o XC40 convencional. Em relação ao interior, é muito similar ao do XC40 Recharge.

Embora a empresa não tenha revelado as especificações do modelo, a mídia especializada aponta que o novo crossover coupe elétrico compartilhará o powertrain P8 com o Volvo XC40 Recharge. Este sistema propulsor conta com dois motores elétricos, cada um deles alojado em cada eixo, que entregam uma potência total combinada de 408 cv. O pacote de baterias será o mesmo de 78 kWh brutos com o qual o XC40 Recharge homologa uma autonomia de 418 quilômetros, segundo o ciclo WLTP.

A mídia aponta uma autonomia de 420 km para o novo C40 e uma capacidade de aceleração de 4.9 segundos para completar o sprint de 0 a 100 km/h. Em relação à velocidade de carga, o sistema é capaz de suportar potências de 150 kW, e pode recarregar até 80% em somente 40 minutos. Mas por enquanto devemos esperar para poder confirmar suas especificações.