BRUSH

A ‘Brush Runabout Company’ com sede em Detroit, Michigan, foi fundada por Alanson P. Brush em novembro de 1906.

Alanson Brush era engenheiro, e projetou um carro leve e simples com estrutura de madeira, que continuou sem modificações durante toda a vida da marca.

O modelo de Brush não dispunha de uma transmissão normal, mas uma embreagem de velocidade variável lhe permitia oito velocidades à frente e uma marcha ré. Em alta velocidade se tornava simplesmente em uma embreagem de fricção.

Esse era mais um dos pequenos carros com motores de entre 1 e 4 cilindros que havia naquela época, antes de que o Ford T dominasse o mercado dos carros econômicos.

O carro de Brush tinha muitos detalhes de projeto incomuns, produto da engenhosidade de seu criador. Era movido por um grande motor monocilíndrico refrigerado a água. Um traço característico dos motores projetados por Brush (que também projetou o primeiro Oakland Motor Car, antecessor do Pontiac) era que giravam no sentido contrário dos ponteiros do relógio em vez do sentido habitual de giro utilizado naquele tempo, antes de que se inventasse o arranque elétrico.

A intenção de Brush com essa forma de giro do motor era fazê-los mais seguros para uma pessoa destra já que naquela época a partida nos carros era na base de uma manivela que se acionava a mão. Os motores que giravam no sentido dos ponteiros do relógio, produziam muitas lesões, as mais frequentes eram o deslocamento dos polegares e a ruptura dos antebraços. Se os carros não estivessem bem ajustados, ao acionar a manivela da partida, esta poderia retroceder violentamente para trás produzindo uma ação de rebote muito perigosa.

A empresa fez parte, juntamente com outras, da ‘United States Motor Company’ de Benjamin Briscoe a partir de 1910 e desapareceu quando esta fechou em 1913.

Carros Relacionados