2016 - BMW 7 SERIES

A nova geração do sedan topo de linha da marca de Munich estreia uma versão híbrida plug-in com 326 cv e está até 130 kg mais leve. Estará à venda no final do ano.

A BMW apresentou hoje a sexta geração do Série 7, disponível nas versões de carroceria convencional (G11) e longa (G12), 14 cm mais comprida. O novo modelo está até 130 kg mais leve devido à utilização de componentes em fibra de carbono misturados com aço e alumínio.

Em termos estéticos, a nova geração do sedan de luxo, que estará à venda no final do ano, surge com a parte dianteira característica, com uma grade dupla proeminente e faróis LED de série (ou laser como opcional), além de faróis de neblina em LED, entradas de dianteiras e vários apontamentos cromados. Destaque ainda para as lanternas traseiras em forma de “L” e várias rodas de 17 a 21 polegadas.

Por dentro, destaque para a utilização de couro Dakota e Nappa, assim como aplicações em madeira e alumínio. O punho da caixa de câmbio é metalizado, há comandos sensíveis ao toque, um novo sistema de infotainment iDrive com tela tátil e tecnologia de comandos através dos gestos. A versão longa dispõe ainda de um pack Executive Lounge composto por ar condicionado de quatro zonas, bancos ventilados e bancos traseiros com função de massagem. Além disso, dispõe de um console central que incorpora uma mesa desdobrável, suporte para copos e um tablet de 7 polegadas.

Entre os motores destaque para a versão topo de linha 750i xDrive/ 750Li xDrive equipada com um 4.4 TwinPower Turbo V8 com 450 cv e 650 Nm, que lhe permite acelerar de 0 a 100 km/h em 4,4 segundos. O 740i/740Li conta com um 3.0 TwinPower Turbo de seis cilindros com 326 cv e 450 Nm. Entre os diesel destaque para o 730d/730Ld/730d xDrive/730Ld xDrive com um 3.0 TwinPower Turbo de seis cilindros produzindo 265 cv e 620 Nm. Novidade absoluta é a versão híbrida Plug-in 740e/740Le/740Le xDrive que combina um motor 2.0 TwinPower Turbo de quatro cilindros a gasolina com um bloco elétrico com 95 cv alimentado por baterias de íons de lítio, resultando em uma potência combinada de 326 cv. Anuncia um consumo de 47,6 km/l e autonomia em modo elétrico de até 40 km.

O novo modelo vem equipado com uma suspensão pneumática nos dois eixos de série, com função de nivelamento automático e Dynamic Damper Control. À disposição ainda está o pack Executive Drive Pro que conta com um sistema de controle ativo do chassi com sistema de estabilização de rolamento ativo eletromecânico. Este pacote tem ainda uma função de controle preventivo do chassi e uma câmara para modificar o comportamento da suspensão antes de zonas da estrada com irregularidades.