2020 - RENAULT CLIO

Ontem a marca francesa revelava as primeiras imagens oficiais do Renault Clio 2019, embora as primeiras fotografias revelassem apenas os detalhes do interior. Agora chega o momento de conhecer a nova geração do polivalente francês a partir de todos os ângulos, graças a estas primeiras imagens oficiais que permitem conhecer sua carroceria por completo.

Já sabíamos que seu design exterior não seria revolucionário e estas primeiras imagens demonstram que os designers da marca francesa optaram por uma evolução do modelo atual para essa nova entrega, com um perfil que não se afastou muito da quarta geração do Clio lançada em 2012. 

O novo Clio 2019 conta com vários toques da quarta geração do utilitário francês, como as maçanetas das portas traseiras ocultas no pilar traseiro e a linha de cintura elevada.

É talvez na parte dianteira onde as mudanças se fazem mais evidentes, já que adota a mais recente linguagem de design que a marca francesa imprime aos seus atuais modelos, destacando seus faróis principais com o formato de uma letra ‘C’, que em seu interior incorporam as luzes diurnas em LED. A grade frontal também é de novo desenho e o logo da marca é de maiores dimensões, ao mesmo tempo em que os faróis antineblina viram seu tamanho ser reduzido em relação ao modelo atual.

Se dermos uma olhada na lateral, as coisas não se modificaram muito em relação ao modelo atual, já que o novo Clio conserva a elevada linha de cintura, assim como também o característico formato de sua janela traseira e as rodas de liga leve de novo desenho de 16 polegadas de diâmetro.

Algo similar ocorre com a traseira, cujo formato não se afastou muito do já conhecido, incorporando a atual filosofia de design da marca francesa. De todos os modos, estreia um para-choque diferente, assim como também lanternas de novo formato. Tanto as lanternas traseiras como os faróis principais serão em LED de série, e a carroceria estará disponível com múltiplas possibilidades de personalização e uma paleta de 11 cores, entre as quais se encontram o novo ‘Laranja Valencia’ escolhido para a apresentação do renovado modelo, além do ‘Azul Celadon’.

Por enquanto o fabricante francês não revelou as dimensões, mas assegura que o modelo é 14 milímetros mais curto que a geração atual, ao mesmo tempo em que conta com um interior mais espaçoso, evidentemente graças aos benefícios da nova plataforma CMF-B. O volume do porta-malas alcança os 391 litros, ou seja, aumenta 26 litros em relação ao modelo atual.

A divisão esportiva Renault Sport ainda não revelou a nova geração do Clio RS, mas no momento do lançamento estará disponível o novo nível de acabamento RS Line, que aposta em um desenho onde predomina a esportividade. Esse novo acabamento substitui o anterior ‘GT Line’ e presume de um formato exterior mais dinâmico, que inclui a tela da grade dianteira com desenho de colmeia, além de rodas de liga leve de 17 polegadas, tubo de escape cromado, etc.

Para aqueles clientes que apostam no luxo, estará disponível também o acabamento ‘Initiale Paris’, um nível de terminação que conta com detalhes exclusivos tanto no exterior como no interior. As rodas de liga leve de 17 polegadas são de desenho específico, assim como os detalhes cromados nas janelas, enquanto que o interior conta com um estofamento em couro acolchoado e guarnições exclusivas para essa versão.

Embora para o seu exterior o fabricante francês optasse por um design evolutivo, a verdadeira revolução do novo Clio aconteceu em seu interior. A quinta geração do Renault Clio estreia inúmeras novidades interiores, tanto no que diz respeito ao desenho como em sua tecnologia e equipamento, claramente inspirados nos modelos de linha alta da marca francesa.

Conta com um painel de linhas fluidas e formato minimalista, que está orientado para o condutor. Foram melhorados os acabamentos com o propósito de melhorar a qualidade percebida, com melhores materiais para recobrir a maioria das superfícies.

Em relação ao equipamento, destaca-se a incorporação de uma nova instrumentação digital configurável ‘Smart Cockpit’, que conta com uma tela TFT a cores de até 10 polegadas, um novo sistema que permite exibir a informação mais relevante do veículo, do sistema de infotainment e do sistema de navegação integrado.

Em relação à conectividade, estreia um novo sistema de infotainment Easy Link, que conta com uma tela táctil flutuante de 9.0 polegadas de disposição vertical, que está ligeiramente orientada para o condutor. Nessa tela se aglutinam as funções multimídia e de conectividade, assim como também o sistema de navegação e o sistema Multi-Sense de personalização da Renault.

O freio de mão elétrico é outra das novidades dessa quinta entrega do modelo francês, enquanto que as versões mais equipadas contarão com um sistema de iluminação ambiental com base em LEDs, além de um sistema de carga sem fios para dispositivos móveis situado no console central, volante multifuncional de novo desenho, alavanca de câmbios mais elevada, bancos de desenho envolvente, ajudas à condução, etc.

Por enquanto o fabricante não revelou detalhes sobre como estará composta a linha de motores do renovado utilitário do segmento B, mas sabemos que estreará novidades relevantes no plano mecânico.

A quinta geração do Clio estreará um sistema de propulsão híbrido, de preço equiparável ao de um diesel. Trata-se de um sistema ‘mild-hybrid’ que tomará como ponto de partida um motor de 1.6 litros que irá associado a uma bateria de 48 volts, um conjunto mecânico que promete um consumo cerca de 40% mais baixo no ciclo urbano e menores emissões de CO2, mas para conhecer essa interessante proposta será preciso esperar até 2020.