01/08/2020 - BYD TANG: OS PRIMEIROS EXEMPLARES DO ELÉTRICO CHINÊS DESEMBARCAM NA NORUEGA

O pessoal da BYD sempre quis triunfar na Europa, mas por diversas razões só conseguiram fazer um pouco de ruído no setor dos ônibus, sendo quase invisíveis com sua divisão de automóveis. Tentaram com o e6, que embora conte com certo número de unidades espalhadas pelo velho continente, não conseguiu a visibilidade desejada.

Agora a marca chinesa regressa com planos mais ambiciosos, mas desta vez com produtos à altura. Começa a atividade neste mesmo mês de agosto na Noruega, mas em breve serão muitos outros os países que poderão adquirir um veículo da empresa. A linha inicial é formada pelo bonito Tang, um crossover do segmento D.

Por enquanto o Tang comercializado na Noruega é 100% elétrico. Conta com um excelente motor com 489 cv de potência e 660 Nm de torque máximo, acoplado a uma transmissão automática e um sistema de tração total nas quatro rodas. Com 4.87 metros e 2.2 toneladas, trata-se de um veículo grande que surpreende por seu desempenho.

Para que se tenha uma ideia do que anda, a marca anuncia uma aceleração de 0 a 100 km/h em 4.6 segundos, enquanto que a velocidade máxima foi limitada a 180 km/h. A bateria tem uma capacidade de 82.8 kWh úteis que lhe permitem uma autonomia de 500 km de acordo com o ciclo NEDC.

O carregador instalado no veículo tem 7 kW de capacidade e admite recargas rápidas de até 80 kW, sendo este o único ponto que pode ser melhorado, considerando que já existem pontos distribuídos pela Europa de 100 e até 150 kW. Muito relevante é a sua capacidade de reboque de até 1.410 kg, algo pouco habitual nos modelos elétricos.

A dotação de série é muito boa. Conta com faróis LED inteligentes, estofamento de couro, bancos térmicos, ventilados com massagem e regulagem elétrica, tampa traseira automática, acesso sem chave, controle de cruzeiro adaptativo, leitor de sinais de trânsito, aviso pré-colisão, controle de ângulo morto, freio de mão elétrico, faróis antineblina e alerta de mudança de faixa.

Também de série surgem rodas de liga leve de 17 polegadas, instrumentação digital configurável de 12.3 polegadas, sistema de navegação com tela de 14.6 polegadas, sistema de visão 360º, sensores de estacionamento, USB, Bluetooth, controle por voz, teto solar deslizante, pacote visibilidade, etc.

O preço sugerido do BYD Tang EV 489 CV 4WD Executive foi fixado em 599.900 coroas, cerca de 345.000 reais ao câmbio atual. Como comparação, o Audi e-tron equivalente em equipamento custa 718.000 coroas (412.000 reais), enquanto que o Mercedes-Benz EQC com uma dotação inferior já parte de 664.000 coroas (381.000 reais).

Confira as Fotos