07/07/2021 - LOTUS EMIRA: ASSIM COMEÇA A RENASCER A EMBLEMÁTICA MARCA BRITÂNICA

O Lotus Emira é o novo esportivo premium de motor central com o qual o icônico fabricante britânico quer realizar a transformação de sua marca. Assim como podemos ver, o modelo conta com todas as características esperadas de um Lotus, como o marcante design, uma dinâmica impressionante e uma aerodinâmica excepcional.

O Emira foi desenvolvido sobre um novo chassi de alumínio leve, uma tecnologia que a Lotus foi pioneira e que continua sendo uma parte intrínseca do DNA da empresa. Essa inovadora arquitetura do veículo está envolvida com um design arrojado e esculpido que utiliza sinais claramente desenvolvidos a partir do Evija.

O Lotus Emira mede 4.412 mm de comprimento, 1.895 mm de largura, 1.225 mm de altura e conta com uma distância entre-eixos de 2.575 mm.

A potência do Emira dependerá do cliente, que deverá optar entre dois motores a gasolina, ambos com interessantes características de desempenho. No lançamento, as primeiras unidades estarão disponíveis como modelos de produção limitada da ‘First Edition’ impulsionados por um aprimorado bloco V6 de 3.5 litros.

A partir do próximo ano de 2022, o Emira será impulsionado pela AMG, graças a uma nova unidade Lotus AMG de 4 cilindros e 2.0 litros turbo alimentada.

Com montagem transversal e tração traseira, a unidade foi modificada com um novo sistema de admissão e um novo sistema de escape para adaptar-se ao caráter do Emira. O segundo motor é mais familiar, já que se trata de um V6 da Toyota sobrealimentado de 3.5 litros. Os carros estarão disponíveis com transmissão manual, automática e de dupla embreagem (DCT).

Em toda a linha Emira, por enquanto a potência oscilará entre 360 e 400 cv, com uma aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 4.5 segundos e velocidades máximas de até 290 km/h. O torque máximo será de 430 Nm e as emissores de CO2 começarão abaixo dos 180 g/km. O automóvel tem um peso objetivo de 1.405 kg em sua forma mais leve, e os preços começarão por volta de 60.000 libras esterlinas, algo como 430.000 reais ao câmbio de hoje.

A fabricação será realizada na famosa casa da Lotus em Hethel, Norfolk, após os últimos investimentos nas instalações da empresa no Reino Unido.

O Emira é o primeiro modelo completamente esportivo da Lotus. Pronunciado como ‘Eh-meer-ah’, a palavra aparece em diversos idiomas antigos e, via de regra, se traduz como ‘comandante’ ou ‘líder’.

O Emira é o primeiro carro esportivo da Lotus a contar com a nova linguagem de design apresentada pela primeira vez no premiado hiperesportivo Evija. Os faróis verticais completamente LED serão parte do equipamento de série de toda a linha. o capô mostra a versão atual do icônico emblema da Lotus.

Olhando o Emira de perfil, a seção esculpida cortada na porta conduz o fluxo de ar para a entrada localizada na frente da roda traseira. Isso tem um duplo propósito, proporcionar ar para o motor, além de esfriá-lo. A placa com o nome de Emira é visível a partir da lateral, integrada no pilar C. Todas as rodas têm um diâmetro de 20 plugadas e de série serão calçadas com pneus Goodyear Eagle F1 Supersport, enquanto que os Michelin Pilot Sport Cup 2 são uma opção disponível junto com o Lotus Drivers Pack.

Na parte traseira, a marca Lotus domina o para-choque integrado, sobre um painel da cor da carroceria que está claramente inspirado na parte traseira do Evija. Em cada extremidade há uma ventilação de saída para o ar da caixa de roda. Cada esquina tem um grupo de luzes LED planas em forma de C unidas por uma luz de freio fina de última geração. Em seguida aparece uma seção preta que abriga tubos de escape duplos a cada lado da placa de matrícula e com um difusor de ar embaixo para ajudar a carga aerodinâmica.

Não há aerodinâmica ativa, já que uma engenharia inteligente significa que não é necessário. É o único modelo de sua classe que cria uma força aerodinâmica passiva equilibrada com precisão entre os eixos dianteiro e traseiro em todas as velocidades, perfeitamente adaptada à distribuição do peso e à geometria da suspensão do automóvel.

O Emira segue estes princípios ao pé da letra para criar um ambiente interior moderno com os controles essenciais à mão e uma distração mínima. De acordo com a própria Lotus, os dois bancos foram projetados para combinar um suporte lateral excepcional para fazer curvas em alta velocidade com conforto total para viagens de longa distância. Há um ajuste elétrico de quatro direções no banco de série, com a opção de se atualizar com um banco esportivo premium com ajuste elétrico de 12 posições tanto para o condutor como para o passageiro.

Entre o equipamento disponível para o Emira há o acesso sem chave, o controle de cruzeiro, o sensor de chuva, os retrovisores externos dobráveis elétricos, sensores de estacionamento traseiros (sensores dianteiros como opcional), espelho retrovisor com atenuação automática, airbags de cortina, launch control (como parte do Lotus Drivers Pack opcional) e um rastreador de veículos roubados.

Os sistemas avançados de assistência ao condutor (ADAS) disponíveis no Emira incluem controle de cruzeiro adaptativo, sistema anticolisão, alerta de fadiga, informação de sinais de trânsito, limitador de velocidade do veículo, alerta de mudança de faixa, alerta de tráfego cruzado traseiro, assistente de mudança de faixa.

O acesso ao sistema de infotainment do automóvel é realizado através de uma tela táctil de 10.25 polegadas montada no centro, com uma tela do condutor TFT adicional de 12.3 polegadas atrás do volante. Todo o conteúdo é exclusivo da Lotus e foi projetado e desenvolvido por uma equipe interna. Android Auto e Apple CarPlay estão integrados de série.

A bagagem ou outros artigos grandes podem ser guardados atrás dos dois bancos (208 litros) e no porta-malas na parte traseira do motor. Este espaço (151 litros) admitirá uma maleta de mão de tamanho padrão ou um jogo de tacos de golfe.

Confira as Fotos