06/03/2021 - McLAREN 765LT BY HENNESSEY: MAIS DE 1.000 CV PARA O ESPORTIVO BRITÂNICO

A McLaren sempre dá um passo adiante com cada novo lançamento e um claro exemplo disso é o McLaren 765LT. Concebido como uma versão mais leve e potente do já impressionante 720S, o automóvel recebe um pacote aerodinâmico intensivo de fibra de carbono e um poderoso motor V8 debaixo de sua carroceria.

Esse propulsor V8 biturbo de 4.0 litros, fabricado pela britânica Ricardo, foi equipado com pistões de alumínio forjado, uma bomba de combustível adicional, uma bomba de óleo revisada e um sistema de gestão do motor recalibrado para elevar a potência até nada despreciáveis 765 cv e 799 Nm de torque, ou seja, 45 cv e 30 Nm a mais que o 720S.

Entretanto, já sabemos que falar da Hennessey Performance é falar de desempenho selvagem, de máxima potência e de máxima velocidade, de modo que a equipe do especialista americano quis ir um passo além, como já fez recentemente com o Dodge Durango SRT Hellcat e tantos outros modelos americanos.

Se há algo que caracteriza este preparador localizado no Texas são as sobredoses irracionais de potência e sua mais recente criação não seria menos. O último projeto da empresa mostra o que será um dos McLaren 765LT mais potentes sobre a face da terra, e que está equipado com o pacote HPE1000 Twin Turbo da Hennessey.

O esportivo britânico recebeu inúmeras melhorias em sua mecânica V8 de 4.0 litros, como novos filtros de ar de alto rendimento e uma ECU recalibrada. O 765LT também estará equipado com um tubo descendente de aço inoxidável, assim como com “as juntas e os fluidos necessários”, segundo revela John Hennessey.

Segundo afirma a empresa, o seu McLaren 765LT HPE1000 Twin Turbo será capaz de produzir até 1.014 cv de potência, o que deverá reduzir a aceleração de 0 a 100 km/h a apenas 2.1 segundos. O custo das modificações chegará aos 25.000 dólares e incluirá os emblemas ‘Hennessey’ e ‘HPE1000’ para o exterior.

Confira as Fotos